Santa, pecadora... Olhar pra dentro é ver-se de verdade: enxergar os paradoxos e aceitar[si].

Minha foto
Maceió, Alagoas, Brazil
Santa, pecadora, com o Amor na veia e a alma nas vísceras.

Contagem regressiva para Tainá pipocar!!!

quarta-feira, 4 de julho de 2007

"Dessas coisas que não se abreviam, que se eternizam..."


Do som ouvido do silêncio do vento.
Do sorriso largo visto no seblante sério através do olhar brilhante.
Do olhar ofuscante exergado através da lágrima alegre.
Da lágrima alegre entendida no momento do êxtase.
Do sentir em momentos de reticências...
Eis a essência da vida que a maldade e a ira se curvam:
"Dessas coisas que não se abreviam, que se eternizam"...
pela simplicidade sublime de serem ao extremo únicas!
Eternas como em uma bola de cristal natural e delicada que reflete o eterno exterior representado pelo astuto interior.
Assim se eternizam lembrando a eternidade da vida: momentos[sublimes] em repetências!!!

Ao som de




"Eu estava parado
Você estava ali
Dois mundos colidiram
E eles nunca poderiam nos separar"
[A mim, a ele, a nós]
E minha alma vagueia em momentos de infinidades...

Beijos extasiados

5 comentários:

Anônimo disse...

Anjo venho aqui lhe contar que estou em votação no Alma Guerreira. Queria um votinho, e como forma de agradecimento aceite o award para blog lindo pq vc merece. O link direto na votação esta no post
www.cuidedenossosanimasi.zip.net

Plugado disse...

Sabedoria em forma de menina-mulher! É assim mais uma SUBLIME definição de vc. E quem quiser q mexa com essa pequena!hahahahaha Já tá conquistado tudo e teu lugar cativo no mundo de todos e de alguém por aí.hehehehe Tem jeito mais não!hahahaha Beijão

Lua disse...

Lindo lindo lindo!!!!!
Me tocou profundamente!
***=

Girassol disse...

Todos os sentimentos, sensações, sabores, gestos, etc, únicos têm o dom de se engrandecer e eternizar.
Beijo, um bom dia.

Mário Margaride disse...

Que belo texto Paula!

És uma mulher e peras!
Beijinhos ternos